O AGIR DO ESPÍRITO SANTO NA VIDA DO CRISTÃO

Textos Complementares: (Rm 10,1; At 9,3-6; 1Ts 1,5; Jo 16,13-15; Gl 2,19-20, Rm 12,1-2; 1Co 9,25-27; Rm 8,14-17; Fp 4,19​).

Quando decidimos por Cristo, o Espírito Santo passa a habitar em nós. Ele vai nos guiar até o fim, ajudando-nos a cumprir o plano de Deus na nossa vida. Passamos a ser homens espirituais e, como tais, somos guiados pelo Espírito Santo.

1. NO MOMENTO DA DECISÃO

O Espírito Santo age desde o princípio e continua agindo para que o plano de salvação se cumpra nas nossas vidas (Rm 10.1). Precisamos convidá-lo para estar na nossa vida e cultivar um relacionamento diário com Ele. Quando decidimos por Cristo, o Espírito Santo moveu todas as circunstâncias para que nosso coração se inclinasse para essa decisão. Paulo teve um encontro verdadeiro com Cristo e isso gerou uma mudança radical na sua vida (At 9.3-6). O evangelho não chegou a nós tão somente em palavra, mas, sobretudo, em poder, no Espírito Santo (1Ts 1.5). A graça de Deus nos alcançou.

2. NA CAMINHADA

A partir do momento que decidimos entregar nossa vida a Cristo, iniciamos a caminhada de vida com Ele, com a certeza de que, agora, não estamos sós. Novamente o Espírito Santo age nos ensinando todas as coisas e nos ajudando a cumprir o propósito que Deus traçou para nós (Jo 16.13-15). A santidade é gerada nesse relacionamento com o Espírito Santo. Não conseguimos ser santos na força do nosso próprio braço. Agora, vivemos para Cristo (Gl 2.19-20). O Espírito Santo libera a ação poderosa de Deus para que haja mudança e Ele faz a diferença na nossa vida, não mais nos conformamos ao mundo (Rm 12.1-2). O nosso objetivo de vida passa a ser viver para esse Deus que nos redimiu, prometeu-nos a vida eterna e a coroa incorruptível (1Co 9.25-27).

3. NO SERVIÇO PARA DEUS

Nosso compromisso com o Senhor nos leva a agir de acordo com a vontade Dele. O Espírito Santo novamente nos ajuda na transformação de todas as áreas da nossa vida. Nosso coração, então, passa a arder para trabalhar para o Reino de Deus, para cumprir o chamado de alcançar vidas para Cristo. E, nesse serviço, o Espírito Santo guia e capacita os seus filhos (Rm 8.14-17).

Concluímos, portanto, que, desde o momento da decisão, durante toda a caminhada, no serviço para o Reino e até a vida eterna, o Espírito Santo está conosco para nos guiar, consolar, capacitar, ensinar, ajudar. Cabe a nós buscar cada vez mais intimidade com Ele e desejar ter uma vida inteira em Sua doce presença (Fp 4.19).