OS DOIS CAMINHOS

TEXTO BASE: MT 7. 13-14

No ensinamento de Jesus presente no Texto Base de hoje, Ele disse que a vida do homem na Terra só pode seguir dois caminhos: o que conduz a vida eterna (chamado de caminho estreito) e outro que conduz a perdição (chamado de caminho largo).

1) Diante da necessidade de trilhar um desses caminhos, precisamos compreender o que cada um representa. Ao estudar a Palavra de Deus, entendemos o significado e os efeitos em trilhá-los. Ao descobrir o caminho da vida como melhor opção, precisamos compreender o que significa seguir por ele. Neste sentido, o que você pensa a respeito de trilhar o caminho estreito?

Facilitador: Para se trilhar o caminho apertado (que conduz a vida eterna) é necessário haver renúncia de tudo aquilo que é contrário a Deus mediante uma decisão cujo foco é morar no céu um dia. Por isso que Paulo escrevendo a Tito (Tt 2. 12) instrui a igreja a aplicar a sã doutrina resultando em boas práticas. Deus quer que trilhemos o caminho apertado de forma santa, justa e piedosa.

2) Segundo o texto de 2Tm 3.12, ao trilhar o caminho estreito o homem pode sofrer tribulações?

Facilitador: Claro que sim. Entretanto, a pessoa vai sendo moldada e aperfeiçoada em Cristo através das boas ações, sendo transformado de glória em glória e as dificuldades desse caminho produzirão para o homem o galardão real (Pv. 10 22). Trilhando pelo caminho largo, existe a franca praticidade do pecado e este por si só já produz consequências ruins.

3) Independente de qual caminho você escolher, saiba que o sol nasce para justos e maus (Mt 5. 45). Em qualquer situação as misericórdias de Deus sempre lhe acompanharão. Independente de qual caminho você estiver, estaremos sujeitos à tribulação e bênçãos.

Facilitador: Em Sl 37. 1-9, 16, 18-20 Davi nos ensina como devemos nos portar diante dos ímpios que prosperam. E em Rm 12.12 Paulo nos adverte sobre os dias maus que devemos encarar com esperança (Ap. 21.04) e dignidade. Em todo momento, na tribulação e na bonança bom é estar com Deus, porque é Dele que vem o consolo e a capacidade de sobrepujarmos o dia mau.

Conclusão: Jesus nos mostra duas perspectivas de vida. Ele nos dá uma chance de escolha. Basta escolhermos se vamos passar pelo caminho estreito, caminhando nos preceitos do Senhor ou se vamos passar pelo caminho largo, onde tudo é muito fácil, mas não conduz à salvação.